19 abril 2017

Gente como a gente! #2




Hey galera! Tudo bem com vocês?

O post de hoje é sobre a série "Gente como a gente", um espaço onde vocês compartilham suas histórias e ajudam outras pessoas. Quem não sabe sobre o que eu estou falando, clique aqui. 

O depoimento escolhido para hoje foi escrito pelo André, um seguidor do blog e meu amigo. Espero que gostem e que tirem alguma lição com a história dele. Caso queiram participar, envie um e - mail com o seu depoimento para: keepcalmsonhos@yahoo.com.br

"Minha história começa assim: eu era super amigo de uma menina, nós eramos escudo um do outro, eu cuidava muito dela, qualquer coisa que a magoasse eu não deixava acontecer e sempre avisava ela, pois tenho um instinto muito bom para quando algo ruim vai acontecer e sempre acontece.
No começo desse ano, ela estava com uma pessoa e quando  me contou eu logo avisei que ele não prestava e que iria magoa - lá, como dito ele a magoou mesmo, mas como um bom amigo fiquei ao lado dela e  a consolei, mas logo depois começamos a brigar muito, confesso que exagerei nos motivos pra brigar com ela, mas resolvi voltar atrás. Não fui orgulhoso pra pedir desculpas, fui lá, pedi, e dei um abraço nela, mas infelizmente depois desse final de semana nunca mais fomos os mesmos,ela começou a se afastar e não admitia que estava se afastando de mim, mas eu como um bom amigo corri muito atrás, fiz vários textos pedindo desculpas e  no último ela disse que iria me chamar pra conversar e estou esperando até hoje. Acabei tomando uma decisão, parei de correr atrás e não ligo mais, foi uma ótima amiga, estou morrendo de saudades da minha jureguinha mas fazer o que, né? Fiz minha parte, se ela não quer mais não posso fazer nada.
Moral da história:  corram atrás de uma amizade se ela te fazer bem, mas tudo existe um limite e o meu chegou. "